Fraturas por Stress na terceira idade: como evitar e quais exercícios são melhores?

17 out
22450059_513881198966843_4718205698290465937_n

Fraturas por Stress na terceira idade: como evitar e quais exercícios são melhores?


Atendi um paciente de 75 anos, que por orientação de familiares, retomou atividades de trote e caminhadas, uma vez por semana, chegando a correr 10km por sessão. Evoluiu com dor no tornozelo, onde foi suspeitada tendinite dos fibulares ( diagnóstico mais comum) e, como a dor não melhorou com repouso, foi solicitada a ressonância acima, onde foi diagnosticada fratura por stress do calcâneo, sem desvios e em área de compressão, sem demais riscos.

Alguns pontos chamam a atenção:
1- a prática esportiva sem orientação profissional.
2- os exercícios com maiores benefícios e menores riscos para a terceira idade são: exercícios resistidos ( com peso), de flexibilidade e equilíbrio. Não que correr não seja bom, mas talvez não seja o melhor exercício para COMEÇAR uma vida fisicamente ativa aos 75 anos.
3- falta de flexibilidade da panturrilha, esperada para a faixa etária.
Infelizmente, o paciente terá que se ausentar da corrida por 8 semanas pelo menos, período no qual foi orientado a reabilitação com fisioterapia, exercícios resistidos( musculação) ou funcionais e imobilização.

Cada faixa etária se beneficia de atividades específicas. Na terceira idade, é obrigatória a avaliação médica antes da prática de qualquer atividade física, tanto para avaliar risco de morte quanto limitações e orientações de qual esporte praticar, de acordo com gosto pessoal, disponibilidade de tempo e etc. Como praticar fica a critério do profissional de educação física.

Procure sempre um profissional habilitado e com título de especialista!


Write a Reply or Comment